Como lidar com as frustrações das crianças?

Como lidar com as frustrações das crianças?

Perder no jogo, tirar notas baixas na escola, não ter o brinquedo que quer. Sentir-se frustrado não é exclusividade dos adultos. A decepção faz parte da vida das crianças e tem papel importante no desenvolvimento delas.

Embora nenhum pai e nenhuma mãe queira ver seu filho triste ou sofrendo, é preciso ter em mente que ele vai passar por essas situações em diversos momentos da vida e que elas serão importantes para que a criança amadureça e se torne mais forte.

As crianças, por volta dos 3 até os 7 ou 8 anos mais ou menos, ainda são bastante egocêntricas, o que significa que elas desejam que todas as suas vontades sejam atendidas imediatamente, sempre querem ganhar, então perder passa a ser um grande aprendizado.

Quando estão ganhando, ficam contentes e animadas e, em muitas vezes, nem enxergam o outro, mas quando começam a perder, normalmente querem desistir, choram, destroem a brincadeira, etc. Essa resposta é natural dentro do processo de percepção do outro e desse aprendizado interno. Precisamos ajudar as crianças a viverem essas situações de maneira equilibrada, para que o ganhar e o perder façam parte da vida.

As frustrações, por menores que sejam e, independentemente da idade da criança, constituem situações nas quais ela constrói parâmetros internos para lidar com situações de conflito, negações e perdas. Além disso, aprender a superar as decepções é um grande exercício de criatividade.

Cada vez que a criança consegue vivenciar o ganhar e perder de uma maneira mais equilibrada ela está caminhando para o movimento de reconhecer o outro e, principalmente, reconhecer que o brincar é o mais importante. Precisamos ensinar para os pequenos que o resultado não deve ser mais importante do que o processo.

Vivemos em um mundo competitivo e, quanto mais velha for a criança, mas ela vai experimentar a sensação de ganhar e perder. Ensinar resiliência nesta fase da vida, ou seja, ensinar a habilidade de persistir nos momentos difíceis, prepara as crianças para o sucesso, porque eles aprendem que o fracasso não é o fim do mundo, é apenas uma chance para tentar de novo.


Já conhece nosso podcast? Novos episódios toda sexta-feira.
https://escoladamaemoderna.com.br/podcast/