Geração mobile: repensando o tempo de tela

Geração mobile: repensando o tempo de tela

A Unicef, órgão da Organização das Nações Unidas (ONU) para a infância, publicou em abril deste ano um artigo sobre como "repensar o tempo de tela em tempos da pandemia de covid-19.

O primeiro ponto do texto ressalta que, na maioria dos casos, evidências robustas recentes indicam que é relativamente pequeno o impacto do uso de telas na saúde mental e no bem-estar infantil.

Mas o que isso quer dizer? Pode liberar geral? Não.... definitivamente não. A ideia é usar estratégias para que o uso das telas, que aumentaram por circunstância de força maior, seja mais qualitativo e que os momentos “off-line” sejam potencializados positivamente.

- Usar aplicativos que estimulem o aprendizado
- Reforçar momentos prazerosos em família
- Criar alternativas para substituir o uso das telas
- Incentivar a prática de atividades em ambientes externos
- Cultivar as amizades e os laços afetivos