Mães multitarefas: produtividade ou falta de foco?

Mães multitarefas: produtividade ou falta de foco?

Por acaso você é aquele tipo de pessoa que fala no celular, mexe a panela no fogo, corre para arrumar a estante de brinquedos enquanto arruma a cama? Tudo ao mesmo tempo? Ou aquela que no trabalho, tem 5 relatórios abertos ao mesmo tempo no computador, responde cada e-mail que chega e abre cada mensagem no Whatsapp? Tudo ao mesmo tempo?

Ser uma pessoa multitarefa nos distrai do nosso objetivo, mas há, também, evidências que sugerem que ser multitarefa é ruim para o nosso cérebro.

Nosso cérebro é mestre em nos enganar, fazendo-nos acreditar que estamos sendo eficientes. Estudos mostram que ser multitarefa leva à liberação de dopaminas – ‘o hormônio da felicidade’. Nós ficamos “loucos” para nos recompensarmos por ter feito tanta coisa!

Nossa atenção pode ser facilmente capturada por algo mais novo e brilhante. Ironicamente, a parte do cérebro que mais precisamos para nos mantermos focados é a que mais sofre.
Pesquisas recentes mostram que só o fato de ter que realizar muitas tarefas ao mesmo tempo diminui a habilidade de resolver problemas e gerir processos.

Entre as principais consequências desse modelo de "comportamento" das mulheres no século XXI estão a frustração em tentar ser cada vez mais "produtiva" e "eficiente", a falta de paciência pela necessidade de resolver mais tarefas ao mesmo tempo e a ansiedade constante de atingir um modelo ideal que às vezes está distante da realidade e não é compatível com o estilo da pessoa.